Simulação grátis

Lorem ipsum dolor Lorem ipsum dolor Lorem ipsum dolor Lorem ipsum dolor

    EnergyCon

    BlogGoverno simplifica produção eléctrica solar

    Governo simplifica produção eléctrica solar

    Governo quer multiplicar por nove a capacidade de produção elétrica a partir de fonte solar.

    Produção eléctrica -» Ministros aprovam regras mais simples para atribuir licenças de produção de eletricidade a partir de energia solar. Em primeiro lugar, o governo prevê um investimento privado de seis mil milhões de euros, até 2030.

    O Ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, declarou que o decreto-lei aprovado “permite lançar leilões para licenças de produção de electricidade a partir da fonte solar”. Além disso, que estas medidas visam “assegurar o compromisso de neutralidade carbónica. Além de condições para uma transição justa com eletricidade mais barata para o comum dos cidadãos”.

    Em suma, a ideia é “multiplicar por nove” a capacidade de produção eléctrica a partir de fonte solar em Portugal. Aproximando o país do objetivo definido pelo Governo de ter 80% de energia produzida de fontes renováveis até 2030 e ser totalmente “limpa” em 2050.

    “Vamos leiloar 1.350 megawatts”. João Pedro Matos Fernandes, referiu que o mapa dos pontos de ligação à rede de distribuição está a ser completado. Mas centra-se nas zonas de Estremoz, Portalegre e Castelo Branco.

    O ministro referiu que o preço de produção de eletricidade, a partir de fontes solares, deverá rondar os 40 euros por megawatt/hora. Abaixo dos 55 euros do preço de mercado atualmente praticado.

    Mais informações.

    ×

    EnergyCon

    × Precisa de ajuda?